As categorias dividem os recursos de acordo com aquilo que eles oferecem ou alteram na comunicação.


Tipos de figura de linguagem

Depois de estar certo sobre o que são figuras de linguagem, fica claro que elas cumprem um importante papel de tornar a nossa expressão mais descritiva ou alterar – com variados propósitos – a forma como a informação é passada para o interlocutor.

Sendo assim, elas são organizadas dentro de grupos que variam segundo aquilo que podem mudar significativamente nos enunciados nos quais estão inseridas.

Figuras de Sintaxe

Construção – São responsáveis por criar uma nova organização sintática dentro do texto, alterando sua fluidez e a maneira de dispor o conteúdo que se pretende transmitir.

Figuras de Pensamento

Semântica – Contribuem com efeitos semânticos, já que são técnicas que influem indiretamente sobre o significado daquilo que está sendo dito ou escrito.

Figuras de Palavra

Tropo – Esta categoria consiste na introdução de vocábulos ou tropos que acumulam funções diversas dentro das orações, conferindo uma nova interpretação a eles.

Figuras de Som

Harmonia – Este tipo de figura atua diretamente sobre a sonoridade do enunciado em questão, dando-lhe maior harmonia ou um estilo sonoro capaz de distinguir suas acepções.


Outras DIVISÕES

Para diferentes teóricos da língua portuguesa existem variadas formas de classificarmos cada recurso da linguagem, levando em conta a aplicação e também outros critérios em torno de uma figura de linguagem específica.

Um exemplo disso seria considerarmos o uso direto e concreto (sintaxe, som e palavra) ou o indireto e abstrato (pensamento) de determinadas figuras, dividindo-as em duas grandes classificações.

Avaliação média: 4.56
Total de Votos: 9

Classificação